November 17, 2019

November 1, 2019

Please reload

Posts Recentes

Avisos

November 17, 2019

1/3
Please reload

Posts Em Destaque

Encontro Diocesano reúne mais de 3 mil coroinhas e cerimoniários

July 30, 2018

 

O ginásio Pedro Dell’Antonia, em Santo André, não recebeu jogo na tarde de 29 de julho, mas estava lotado para uma única torcida: a de Jesus. Com mais de 3 mil jovens, adolescentes e crianças, o local recebeu o Encontro Diocesano de Coroinhas e Cerimoniários que teve Santa Missa presidida pelo bispo diocesano Dom Pedro Carlos Cipollini e a oficialização do novo assessor diocesano para essa pastoral: Pe. Jadeílson José Silva.

Dom Pedro não escondeu a felicidade de ver os jovens da Diocese e ressaltou a importância do serviço ao altar. “Não se encontra ninguém que, quando criança foi coroinha, não se recorda deste tempo com alegria. Em nossa Diocese, quase todas as paróquias têm esta pastoral. Damos muita atenção a este serviço”, frisou o bispo, que recomendou para que todos leiam o Diretório de Liturgia. “Nele há todas as instruções para as celebrações, as festas litúrgicas. É muito importante”, completou o bispo.

O novo assessor também pediu para que adquiram o Diretório e agradeceu pela nova missão. “Obrigado a Dom Pedro pela confiança e à coordenação diocesana pela acolhida. Falo que vou tentar dar o meu melhor a esta pastoral. Espero conseguir visitar a todas as paróquias. Estou muito feliz”, disse Pe. Jadeílson, que substitui Pe. Cleidson Pedroso de Souza, também muito festejado pelos jovens quando teve seu nome citado.

 

Perto de Jesus

Alegria. Era assim que era possível enxergar no rosto dos jovens quando terminou a Missa. “É muito legal estar junto com todos da Diocese e é uma motivação a mais ser coroinha”, disse Letícia Oliveira Martins, da Paróquia Santa Luzia e Santo Expedito, de São Bernardo.

Ela ainda contou com foi o seu chamado. “Tinha uma amiga que sempre me chamava e um dia tive um sonho de Deus falando comigo, me chamando. Acordei e fui pesquisar sobre o serviço de coroinha, ler livro, para entender. Depois, comecei a servir”, revelou Letícia, de 13 anos.

Há outros mais tímidos, mas que a sinceridade na hora de falar o porquê escolheu ser coroinha motiva qualquer um para servir à Igreja. “Quis ser coroinha para ficar mais perto de Jesus”, resumiu Kauã Vieira dos Santos, 10 anos, da Paróquia Santo Arnaldo Jansen (Diadema), que, com poucas palavras, falou o essencial.

 

Texto de Thiago Silva

Fotos de Amanda Silva

Share on Facebook
Share on Twitter
Please reload

Siga

I'm busy working on my blog posts. Watch this space!

Please reload

Procurar por tags
Please reload

Arquivo
  • Facebook Basic Square